Instituto Secular

“Vossa vida expressa esta necessidade profunda de uma síntese, a afirmação simultânea de duas características:

A plena consagração de vida segundo os conselhos evangélicos.

A plena responsabilidade de uma presença e de uma ação transformadora dentro do mundo para modelá-lo, aperfeiçoá-lo, e santificá-lo.”

Papa Paulo VI, 02 de fevereiro de 1972

 
 

“Vós sois na história sinais de uma Igreja amiga dos homens.”

Papa João Paulo II, aos membros dos Institutos Seculares, 02 de março de 1997

 
 
Um instituto secular é um instituto de vida consagrada, cujos membros têm um trabalho ou um ministério e se esforçam para realizar todas as suas atividades segundo a vontade de Deus. Eles participam da evangelização através da sua presença em diferentes ambientes e de seu testemunho de vida cristã. Os membros destes institutos são leigos e sacerdotes seculares.

Eles vivem no celibato para o Reino do Céu, em um espírito de pobreza evangélica e adesão total à vontade de Deus, manifestada através da obediência à uma regra de vida e aos seus responsáveis.

 

Na grande família do Carmelo, Nossa Senhora da Vida é um Instituto Secular

 
 


 
 

Uma palavra da Igreja

 
“Através de uma vida perfeitamente e totalmente dedicada à santificação do mundo, os membros dos Institutos Seculares participam da tarefa de evangelização da Igreja no mundo e à partir do mundo onde sua presença age como um fermento. Seu testemunho de vida cristã visa ordenar segundo Deus as realidades temporais e fazer penetrar no mundo a força do Evangelho.”

Catecismo da Igreja Católica n°929

 
 
“Anunciai a beleza de Deus e sua criação. Seguindo o exemplo de Cristo, sejais homens e mulheres de docilidade e de misericórdia, capazes de percorrer  os caminhos do mundo  fazendo  somente o bem. Colocai as Bem Aventuranças no coração de vossa vida contrariando a lógica humana para manifestar a vossa confiança incondicional em Deus, que deseja que o homem seja feliz. A Igreja precisa de vòs para cumprir plenamente sua missão. Sejais sementes de santidade jogadas  aos punhados nos sulcos da história. (…) Escrevam com vossa vida e vosso testemunho  parábolas de esperança, escrevei-as- através de obras que jorram da “criatividade da caridade” … ”

Papa Bento XVI, Congresso dos Institutos Seculares, 04 de fevereiro de 2007

 
 
“Vossa  vocação é a de estar no mundo assumindo todo o peso e as aspirações, com um olhar humano que  coincida cada vez mais, com o olhar divino, do qual jorra um compromisso particular, original, com base na consciência de que Deus escreve sua história de salvação sobre a trama das vidas de nossa história ”

Papa Bento XVI, aos Institutos Seculares, 18 de julho de 2012